Prêmio Odisseia de Literatura Fantástica 2019

A sexta edição da Odisseia de Literatura Fantástica chegou e decidimos que já era hora de criar um prêmio para contemplar autores que se destacam na área do fantástico. Nosso objetivo não é o da competição, mas sim o da valorização e do destaque de autores e de suas obras. Uma das características do prêmio é que os jurados serão sempre escritores. Pretendemos ampliar, disseminar e fortalecer o fantástico literário na cultura de nosso país.

Neste ano teremos sete categorias. Confira o regulamento.

Conheça os Finalistas! Regulamento

FINALISTAS DO PRÊMIO

ODISSEIA DE LITERATURA FANTÁSTICA – 2019

Narrativa LONGA Literatura Juvenil

Ana Lúcia Merege – Orlando e o escudo da coragem – Editora Draco.

Juliana Feliz – As cinzas de Altivez – Midiograf.

Miriam N. Dohrn – Detektis – SGuerra Design.

Narrativa LONGA Horror

Carolina Mancini – Nihil – Editora Estronho.

Danilo Correa – Sob a escuridão – Cervus Editora.

Pablo Amaral Rebello – Peixeira & Macumba – Independente.

Narrativa CURTA Horror

André Balaio – O lado de lá – Editora Patuá.

Isabor Quintiere – Madres – Editora Escaleras.

Marcelo Augusto Galvão – Sombras no coração – Independente.

Narrativa LONGA Ficção Científica

Luiz Mauricio Azevedo Silva – Pequeno espólio do mal – Editora Figura de Linguagem.

Ricardo Labuto Gondim – Corrosão – Editora Caligari.

Roberto de Sousa Causo – Mestre das marés – Editora Devir.

Narrativa CURTA Ficção Científica

Alexandre Veloso de Abreu – A necronauta – Editora Scriptum.

Fábio Fernandes e Nelson de Oliveira – Oneironautas – Editora Patuá.

Saulo Adami – A invasão dos macacos – Editora DTX.

Narrativa LONGA Fantasia

Paola Siviero – O auto da maga Josefa – Dame Blanche.

Simone Saueressig – De ferro e de sal – Independente.

Yasmim Naif Amin Mahmud Kader – Caçada às estrela da noite: sob o céu da noite eterna I – Independente.

Narrativa CURTA Fantasia

Deise Soares Ferraz de Vargas – A ponte de paladinos – Independente.

Gabriel Cianeto – Oceano sorvete de uva – Editora Multifoco.

Marcelo Bighetti – Sacrifício consumado – Independente.

Os nomes dos vencedores (em cada uma das sete categorias) serão divulgados no dia 25 de agosto, às 18 horas, durante a Odisseia de Literatura Fantástica 2019.

Programação

Sábado, 24 de Agosto

Sábado, 24 de agosto, 13h

Monstros que habitam o universo do horror

Luciana Minuzzi (Mediadora), Karen Alvares, Marciele Goetzke, A. T. Sergio e Flavio Karras.

Bichos sanguinários, mortos-vivos com sede de cérebros, um espectro no canto do quarto, um humano que coleciona ossos, o demônio que vive dentro de você. Não importa qual o seu monstro favorito, existe horror para todos os gostos. Vamos conversar sobre esses tipos e suas possibilidades com autores que adoram criar essas criaturas.

Sábado, 24 de agosto, 15h30

Navegando em páginas fantásticas - A jornada do editor no Brasil

Cesar Alcázar (Mediador), Thiago Tizzot, Lielson Zeni, Anna Fagundes Martino

Editores especializados nas diversas vertentes da Literatura Fantástica Brasileira compartilham suas experiências. Também falam da luta no meio de um mercado em crise, e que, ao mesmo tempo, passa por um momento de grande transformação.

Sábado, 24 de agosto, 16h45

E aí, agora foi? Um panorama dos últimos cinco anos de publicações fantásticas brasileiras, sua diversidade e formação (ou não) de um público leitor

Toni Moraes (Mediador), Fábio Fernandes, Ana Rüsche, Déborah Happ e Kali de los Santos.

A proposta é debater o panorama geral das publicações fantásticas de autores brasileiros dos últimos cinco anos, passando por temas como a relevância nos gêneros, nomes de destaque, o interesse do público, o patamar atual das publicações e se é possível fazer qualquer tipo de projeção para os próximos cinco anos de mercado.

Sábado, 24 de agosto, 18h

Economia criativa no Brasil: um bate-papo com os integrantes do ORC Studio

Maria Clara Carneiro (Mediadora), Enéias Tavares, Fred Rubim e Emanuele Coimbra.

Como é trabalhar com cultura pop num país como o Brasil, em que a carreira artística ainda é relegada à atividade informal ou recreativa? Quais os desafios econômicos que envolvem a produção de quadrinhos, livros, jogos e outras ações transmídia? Quais as oportunidades que se apresentam aos profissionais de letras, design, artes e comunicação? A partir dessas questões, a tradutora e pesquisadora Maria Clara Carneiro conversará com o escritor e roteirista Enéias Tavares, com o designer e quadrinista Fred Rubim e com a professora e tradutora Emanuele Coimbra sobre suas carreiras e projetos, entre eles, os produzidos no ORC Studio, laboratório de Economia Criativa sediado na Universidade Federal de Santa Maria.

Domingo, 25 de agosto

Domingo, 25 de agosto, 13h

Desafios e cuidados na escrita de literatura fantástica para a juventude

Christian David (Mediador), Athos Beuren, Miriam N Dohrn e Marcelo Cortez.

Debate sobre a especificidade de escrever fantasia, horror e ficção científica para jovens: temas, linguagem, intertextualidade, fuga dos clichês e outros aspectos.

Domingo, 25 de agosto, 14h15

Como criar um universo ficcional de fantasia

Nikelen Witter (Mediadora), Danilo Sarcinelli, Cristina Pezel, Karen Soarele e Kátia Regina Souza.

Os autores convidados terão a oportunidade de comentar sobre a construção de seus próprios mundos. Apresentarão suas influências literárias, seu cotidiano de escrita, pesquisa e comentarão sobre as estratégias que utilizam para tornar esses mundos atraentes para o leitor.

Domingo, 25 de agosto, 15h30

Bate-papo com autores do livro Planeta Fantástico

Marcelo Spalding (Mediador), Duda Falcão e demais autores do livro presentes no evento.

Qual o papel das coletâneas de contos? Como foi produzida a antologia Planeta Fantástico da Editora Metamorfose? Nesta mesa serão apresentados os autores da coletânea Planeta Fantástico, organizada por Duda Falcão e pela Metamorfose Editora.

Domingo, 25 de agosto, 16h45

Sobre Corvos e Seres Cósmicos: Poe e Lovecraft para além do além

Alexander Meireles da Silva (Mediador), Oscar Nestarez, Amanda Leonardi e Nathalia Sorgon Scotuzzi.

Separadas por quase um século, as obras dos ensaístas, poetas e ficcionistas norte-americanos Edgar Allan Poe e Howard Phillips Lovecraft são hoje objetos de leituras, pesquisas e adaptações para diferentes mídias. Mas, como dois escritores menosprezados em seu tempo se tornaram ícones pop na atualidade? O que esse fato tem para nos dizer sobre seus escritos e a própria evolução do Gótico e do Horror na Literatura? Haverá lugar para Poe e Lovecraft no futuro?

Domingo, 25 de agosto, 18h

Apresentação do Primeiro Prêmio Odisseia de Literatura Fantástica

Solenidade de entrega dos troféus para os autores que foram vencedores em uma das sete categorias do Prêmio Odisseia de Literatura fantástica.

Convidados

A Odisseia de Literatura Fantástica, em cinco edições, já recebeu em torno de 200 convidados entre escritores, editores e acadêmicos. Neste ano são mais de 40 convidados que participarão de 9 mesas de bate-papo para apresentar, discutir e analisar produções canônicas e atuais na área da fantasia, do horror e da ficção científica. Veja quem são os nossos convidados da sexta edição.

Apoio, Promoção e Realização

A entrada da Odisseia de Literatura Fantástica é gratuita. A parceria entre apoiadores e realizadores é fundamental. A força está no conjunto. Conheça os apoiadores e os realizadores da sexta Odisseia de Literatura Fantástica.

Localização

Centro Cultural CEEE Erico Verissimo
Rua dos Andradas - Centro Histórico de Porto Alegre
Porto Alegre - RS, Brasil

Odisseia de Literatura Fantástica

A Odisseia

Duda Falcão, Cesar Alcázar e Christopher Kastensmidt, no final de 2011, tiveram a ideia de realizar um evento literário em Porto Alegre que privilegiasse escritores, editoras e leitores fãs de fantasia, horror, aventura e ficção científica. Concretizaram suas projeções ao organizar a Odisseia de Literatura Fantástica em maio de 2012. O objetivo era solidificar o cenário Fantástico Brasileiro. Naquela época, a Argonautas Editora – dirigida por Duda e Cesar – e A Bandeira do Elefante e da Arara – universo fantástico de Christopher – se uniram nesse projeto para incentivar à leitura e à produção literária. Depois do primeiro ano de Odisseia, nas edições de 2013 e 2014, os organizadores originais receberam o apoio e a dedicação dos escritores Nikelen Witter e Christian David na organização do evento. Em 2014, a Câmara Rio-Grandense do Livro premiou a Odisseia de Literatura Fantástica com o Troféu Amigo do Livro. Christian David também participou em 2015 e 2018, tendo ao seu lado Artur Vecchi, editor da AVEC Editora, como organizador. A abertura da primeira edição, lá em 2012, contou com o historiador César Augusto Barcellos Guazzelli falando sobre Simões Lopes Neto. Em 2013, foi a vez da pesquisadora e professora Regina Zilberman retratar a literatura fantástica infanto-juvenil e, em 2014, tivemos a presença do escritor e cineasta Tabajara Ruas, que palestrou a respeito do cultuado autor H. P. Lovecraft. Em 2015, Roberto de Sousa Causo abriu o evento falando sobre os autores e o fandom brasileiro. Passamos por um hiato de 2 anos até retornar com a Odisseia em 2018. Abrimos com uma homenagem póstuma para personalidades do fantástico brasileiro: Douglas Quinta Reis, Mustafá Ali Kanso e Max Mallmann. Também entregamos o Troféu Odisseia que foi uma premiação pelo conjunto da obra referente ao trabalho de três décadas na área do fantástico para a escritora Simone Saueressig. Em todas as edições tivemos bate-papos discutindo sobre obras, autores, gêneros literários e apresentando a produção nacional fantástica para o público leitor. Abrimos espaço para a venda de livros de editoras que investem em autores nacionais. Nesta edição de 2019, organizada por Duda Falcão e Artur Vecchi, estarão presentes mais de 40 autores nas mesas de bate-papos. Você pode conferir em nosso site a Programação na íntegra. Já a novidade fica por conta do primeiro Prêmio Odisseia de Literatura Fantástica. As inscrições para o Prêmio estão abertas de 3 de junho até 31 de julho. Serão concedidos troféus para os vencedores em sete categorias divididas entre os gêneros fantasia, ficção científica e horror. Confira os detalhes do regulamento na página do prêmio.

Missão

A Missão da Odisseia de Literatura Fantástica é a de fortalecer a produção e a divulgação da literatura fantástica em seus três eixos principais: a fantasia, a ficção científica e o horror. O nosso foco principal é a realização de bate-papos com autores convidados para que apresentem as suas obras para o público leitor. Costumamos convidar autores independentes e profissionais. Além disso, ocorre durante o evento feira com os livros dos autores presentes e de editoras especializadas em literatura fantástica. Para incentivar a leitura e a cultura em torno do fantástico a Odisseia é um evento com entrada gratuita. Buscamos promover valores como a cultura literária, a paz, a não violência, a empatia e o respeito ao outro.